27 de julho de 2011

Desafio Literário 2011 (Julho): "Dívida Eterna"

NOVOS AUTORES




Título: Dívida Eterna
Autora: Priscila Reis Andrade
Edição do autor
Páginas: 121




Amor, casamento, amizade, carinho, convivência difícil, muito trabalho e falta de tempo são os principais componentes dessa fascinante obra. Quando o tempo passa rapidamente, sem que se perceba, vemos o que ficou para trás. Arrependimentos, vontade de voltar e fazer diferente. Mas às vezes a única saída é mudar para colher bons frutos no final. Deve-se passar por cima do orgulho, doar-se, amar apesar das circunstâncias, mesmo que pareça uma tarefa difícil... mas não impossível. Este livro é para dar boas risadas e chorar com as diversas situações presentes na obra, onde há fatos decorrentes do dia-a-dia de pessoas como eu e você. Mônica, a nossa narradora, tem duas opções: conseguir sair de seu estado de sofrimento e chegar ao mais profundo amor ou fugir e se refugiar em si mesma. O que ela irá escolher? (Fonte: SKOOB)


Aaaah... Esqueci o que eu ia escrever... de novo...

Não, estou brincando, na verdade só queria que vocês tivessem a mesma impressão que tive nos primeiros capítulos desse livro.
Sério! Pensei que a Mônica sofria de amnésia das "brabas". Lembram da Lucy de 50 first dates (Como se fosse a primeira vez)??? Pois é, eu pensei que Mônica sofria de algo parecido. Foi uma sensação mega estranha quando o tempo passa voando e a pobre da Mônica não tem a mínima idéia do que está acontecendo. "Em que ano estamos?" "O que eu comi ontem?"
Claro que depois é possível entender a mensagem que a autora quis passar sobre estarmos tão atarefados com nossas coisas que não percebemos o tempo passando por nós tão velozmente e... (Tá vendo? Julho já tá quase no fim.)

Foi engraçado quando durante a leitura eu estava lembrando do filme Fireproof (À Prova de Fogo), e abracadabra ele "aparece" no livro. Pelo menos as amigas da Mônica deram conselhos melhores que as amigas da Catherine.
Para quem leu Encontrando Perdão (resenha AQUI) é legal "rever" Carolina e Douglas nesse aqui.

A história tem uma temática ótima e atual, os personagens e enredo só precisam ser um pouco mais desenvolvidos, sei que a Mônica é a protagonista-narradora, mas o Rafael também merecia mais espaço.

  • Stumble This
  • Fav This With Technorati
  • Add To Del.icio.us
  • Digg This
  • Add To Facebook
  • Add To Yahoo