5 de outubro de 2011

Stained Glass Hearts, de Patsy Clairmont

We're all broken
We're all broken
And we all need a Savior
Broken, we're all broken
And we all need a Savior
'cause we're all broken¹
  


Título: Stained Glass Hearts*
Autora: Patsy Clairmont
Editora: Thomas Nelson
Ano: 2011
Páginas: 192




Bem como vitrais, os pedaços quebrados da vida se tornam o prisma através do qual a graça de Deus brilha mais intensamente e de forma bela. 
"A vida é sem dúvida cheia de dificuldades, mas também é cheia de promessa e possibilidade," diz a autora best-selling e oradora do Women of Faith, Patsy Clairmont. Em Corações de Vitrais, Clairmont guia os leitores para verem as experiências difíceis da vida através das lentes da graça de Deus. Usando arte como tema, e comparando pessoas com janelas de vitrais, ela compartilha que é quando estamos cercados pela escuridão que Sua luz curativa brilha mais intensamente dentro de nós. Encorajando mulheres para darem um passo atrás e vêem a vida a partir dessa nova perspectiva, Patsy oferece ajuda e esperança para os lugares escuros da vida. (Tradução livre da sinopse disponível AQUI)


When all that I can sing
Is a broken hallelujah
When my only offering
Is shattered praise
Still a song of adoration
Will rise up from these ruins
I will worship You and give You thanks
Even when my only praise
Is a broken hallelujah²


 Esse livro traz uma visão "artística" sobre a vida humana. Mas não as partes bonitinhas e certinhas, e sim aquelas partes quebradas, despedaçadas... Alguém já viu como os vitrais são feitos? (Vide A Última Música de Nicholas Sparks, por exemplo). 
Os pedaços de vidro são cortados e trabalhados separadamente para depois serem colocados juntos. E só então podemos apreciar a beleza de suas formas porque depois de pronto você vê uma única obra:



This is what it means to be held.
How it feels when the sacred is torn from your life
And you survive.
This is what it is to be loved.
And to know that the promise was
When everything fell we'd be held³


Agora, nossa vida não é assim também?  Cheia de dor, perdas, arrependimentos e sofrimento? Bom, se você nunca passou por nenhuma dessas coisas então esse livro não tem muito, ou melhor, nada a te falar. E o que você tá fazendo nesse mundo mesmo hein? 
Falando em perdas, a gente sempre quer saber por quê. Não interessa o que outras pessoas podem aprender ou ver em nós, EU QUERO SABER POR QUE ISSO ACONTECEU E PRONTO!!!
"Deus não tem nenhuma obrigação de explicar Seus caminhos, e isso não é fácil para nós porque achamos que se soubéssemos o porquê, isso faria nossa perda menos brutal e nossa fé mais amigável"(p. 68).

'Cause when life gets broken
When you're in despair
He'll carry your burden
When it's too much to bear
It's down in the valley
Where He'll give you strength
And there's nothing you have lost
That He can't replace
He'll help you start all over again

When life gets broken4

O Autor da vida sabe exatamente onde cada pecinha do quebra-cabeça, ou melhor, onde cada pedacinho do mosaico se encaixa. Você consegue ver a beleza da obra de arte que Deus tem feito em sua vida? Você consegue enxergar os vitrais ao seu redor? Você consegue apreciar seu próprio coração de vitral? Eu ainda estou aprendendo!






*Recebi esse livro gratuitamente através do Programa BookSneeze®  especificamente para esta resenha.
  • Stumble This
  • Fav This With Technorati
  • Add To Del.icio.us
  • Digg This
  • Add To Facebook
  • Add To Yahoo