DL 2011 (Dezembro): "The Soul Reader"

LANÇAMENTO 2011


Título: The Soul Reader*
"O Leitor de Alma" (não publicado no Brasil)
Autor: Gerard D. Webster
Editora: WestBow Press
Páginas: 260
Lançamento: 5 de julho




The Soul Reader é a continuação emocionante [pisca, pisca, pisca] do romance de estreia de Gerard Webster, In-Sight. As duas pessoas que Ward McNulty mais desejava que ele pudesse esquecer eram a mulher que ele uma vez amou e o homem que ele ainda odeia. Às vezes ele conseguia, sufocando suas lembranças com um monte de atividades - sua reabilitação física, procurando um emprego e protelando o embargo da hipoteca. Mas por mais que ele tentasse, sempre estava ali - apenas sob a superfície, como brasas fumegantes sob camadas de cinzas, precisando apenas de um sopro de oxigênio para explodir em chamas [O.o]. E isto é exatamente o que acontece em uma tarde ensolarada de sábado quando Carrie Hope reaparece em sua vida inesperadamente.  É um ano depois do assassinato de seu pai quando Carrie pede a ajuda de Ward para escrever um livro sobre o North Beach Project, o esquema de lavagem de dinheiro que levou à morte de seu pai. Inicialmente, Ward recusa-se. Ele sabe que reabrir a investigação seria perigoso por três razões. Primeiro, poderia custar suas vidas - a identidade do homem por trás do esquema permanece um mistério, e ele faria quase qualquer coisa para mantê-la daquela forma. Segundo, pode custar a própria alma de Ward se ele for sugado de volta para o redemoinho de ódio e vingança do qual ele acabou de escapar. E finalmente, Ward não sabe se ele ou Carrie poderia sobreviver ao se apaixonarem e machucarem um ao outro de novo. Mas quando Carrie decide perseguir a investigação sem ele, Ward se depara com uma escolha difícil: ele pode permitir que ela vá sozinha e possivelmente seja morta... ou ele pode se juntar a ela na esperança de ser capaz de protegê-la. O discernimento misterioso de Ward pode dar-lhe uma vantagem - e permitir que ele veja o mal intrincado na folhagem do North Beach Project antes que tenha uma chance de atacar. Ele decide colaborar com ela no livro, mas de sua maneira, e assim, lança uma série de eventos que abrangem todo o globo - da Colômbia para Roma - e faz de Ward e Carrie o alvo do assassino mais perigoso do hemisfério ocidental, um homem conhecido apenas como "Culebra". É em busca de justiça que Ward descobre misericórida - e amor - mais uma vez. (tradução livre da sinopse disponível no GOODREADS)


ZzZzZzZz
O que chamou minha atenção primeiro foi a capa porque diz que é um suspense mas honestamente os primeiros capítulos foram chatos (tão chatos quanto a sinopse). Certo que depois descobri que esse livro é a continuação de In-Sight, que eu não li. O problema é que o autor se alonga mais que o necessário para "resumir" o que aconteceu no primeiro livro e explicar onde cada personagem está em suas respectivas vidas no momento.
Passando essa parte, o livro entra no ritmo e fica "bão, sô".

Da Flórida para a Califórnia. Dos Estados Unidos para o Equador. Passando pela Colômbia. Chegando à Itália. Fazendo uma parada em algum lugar remoto da Alemanha. Com participações especiais da Suíça e de Cuba. The Soul Reader nos leva ao mundo das guerrilhas e tráfico de drogas na América do Sul e suas extensões ao redor do mundo. Inclui também lavagem de dinheiro, poder, corrupção, conspiração e assassinato.

Há alguns pequenos detalhes que, hã, me pareceram estranhos, mas nada que me fez pensar em desistir da leitura, até porque o dom de Ward é bem claro, a começar pelo título do livro. Ele consegue "ler a alma" das pessoas, aham, ele consegue ver as intenções verdadeiras das pessoas só olhando para elas. Ele até consegue saber quem está mentindo ou não!
Se eu tivesse essa habilidade me ajudaria e muito a identificar se o MeP (Marido em Potencial) em questão realmente presta ou não. Imagina! Eu com esse poder não gastaria meu tempo com os sapos da vida!!! Na verdade eu iria direto para o meu "the one"...

Voltando ao livro...
A personagem mais intrigante para mim é o assassino profissional conhecido apenas como Culebra (serpente/cobra em espanhol). Rapá, o bicho é ruim mais que falta de fôlego! Porém, entretanto, todavia, comecei a desconfiar qual era a verdadeira identidade do sujeito lá pelo meio do livro (e meu chute estava correto!). Mesmo assim o que acontece quase no final me surpreendeu.
Ah, e aquele tal de Fabrizio, hein? "Homi" lindo daquele e italiano, Cíntia-bandida... Como se diz por aí, "beleza não se põe à mesa", o que quer que seja que isso signifique, tem tudo a ver com ele.

Em questão de nota, o livro vai levar 3 estrelinhas que de acordo com o Skoob é BOM!

Minha pergunta para vocês é: O que você faria se tivesse o "dom" de ler a alma das pessoas (inclusive a sua)???




*Recebi esse livro gratuitamente através do Programa BookSneeze®  especificamente para esta resenha.

This entry was posted in ,,. Bookmark the permalink.
Tecnologia do Blogger.

Ads 468x60px